Continuação... Os presidentes do regime militar (1964-1985) Governo Médici

Continuação...

 Os presidentes do regime militar (1964-1985)

 Governo Médici



Governo Médici (1969-1974) - Sonho de consumo de qualquer nazi-fascista, o governo de Emílio Garrastazu Médici leva o Brasil aos anos de chumbo. A luta armada passa a ser cada vez mais forte no governo do ex-chefe do SNI. Para contê-la, o Destacamento de Operações e Informações ao Centro de Operações de Defesa Interna (DOI-Codi) amplia para todo o país as torturas contra aqueles que fossem, inclusive, suspeitos de lutar contra os princípios democráticos.

O governo ganha força popular com o milagre econômico, os fascilósofos justificam qualquer atrocidade devido aos ótimos índices econômicos do governo Médici, como se a Alemanha Hitlerista também não tivesse seus anos de glória. O povão que sempre deixa a vida o levar, apoia o governo. O tri-campeonamento da seleção brasileira no México contribui ainda mais a "ilha de tranqüilidade mundial", afinal não são os brasileiros que moram num país tropical abençoado por Deus e bonito por natureza? Não é o Brasil que deve ser amado ou deixado? Não é o coração dos brasileiros que é verde, branco, amarelo e azul anil?

Nos anos 70 começam os mega-projetos que fariam inveja a Albert Speer. Transamazônica, Ponte Rio-Niterói, Hidrelétrica de Itaipu. Todos os projetos eram os maiores do mundo, ampliando o complexo de inferioridade do país.
 
Fonte:    http://www.duplipensar.net
0